Grupo de AP - Escola Secundária de Pombal, 12º B, ano lectivo 2009/2010 - enfrenta com bravura artigos sobre neurociência, empresas de brain fitness, teorias de auto-ajuda e a preguiça para descobrir como pôr os seus neurónios a cintilar.

.tags

. todas as tags

.posts recentes

. Créditos Finais

. Desenhos de Santiago Ramó...

. O Caminho para a Memória ...

. Balanço do Dia da Ginásti...

. ...

. Brain Awareness Week

. ...

. O Cérebro na Cultura

. Deram-nos Um Dia!

. Brain Fitness: Whatahell?

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2010

Apresentação

Esta é a segunda versão de um blog sobre um trabalho de Área Projecto do 12º ano da Escola Secundária de Pombal, turma B, grupo 1. A primeira versão foi mandada abaixo depois um certo membro do grupo ter feito em água a cabecinha de cada um dos três outros membros, insistindo e implorando para que se reiniciasse o blog.

O grupo é constituído por quatro raparigas (logo o trabalho sofrerá com falta de autonomia e coordenação espacial artigo sobre diferenças mentais entre sexos), todas de 17 anos e pouco dadas a apresentações. Mas, enfim:

  • Denise: a entusiasta-mor do blog, sempre útil para ter por perto pela sua facilidade em sugerir bibliografia, uma descuidada de primeira que gosta de despachar tarefas com um "tá bom!", desorientadinha e stressadinha.
  • Inês: porta-voz oficial, rapariga das curiosidades, tem repentes de autoritarismo que não funcionam porque a resposta do grupo ao autoritarismo costuma ser "ámen", desdentada.
  • Mariana: contratada para o grupo devido às suas habilidades artísticas, olho clínico para imperfeições e piroseiras inestéticas, passa a vida a irritar as pessoas por ser tão fofinha, quando não está a ser fofinha está a ter ideias disparatadas extravagantes.
  • Soraia: rapariga prática e desembaraçada, a quem cabe muitas vezes trazer o resto do grupo  de volta à terra e acabar com pieguices (excepto com a mascote), gosta de manter um low profile, também desdentada.

(gostaria apenas de realçar o facto de, não obstante o grupo ser constituído por pessoas de 17 anos, algumas quase 18, temos duas pessoas que perderam recentemente um dente de leite - este aparte poderá ou não estar relacionado com a recusa de certos indivíduos em escreverem uma descrição de si mesmos)

 

Devido a vários motivos (simplicidade, economia de tempo, preguiça) não criámos todas a uma conta própria no Sapo, mas apenas uma conta conjunta, sob o nome de Neurónios. Desta forma, tecnicamente, o blog apenas tem um autor; de modo a não criar confusões quanto ao estilo de escrita e afins, quem escreveu o post assinará por baixo.

Passemos ao trabalho em si. Definimos o nosso projecto como

… no início do primeiro período:

Um trabalho sobre neurociências. Desenhámos uma coroa sobre a palavra neurociências. Desenhámos pedras preciosas nessa coroa (mais precisamente, duas esmeraldas, duas safiras e um rubi). Calculámos as probabilidades de obtermos autorizações para dissecar cérebros e conservá-los em formol (presumivelmente, os cérebros conservados não seriam os mesmos a serem dissecados, dado que é com bases empíricas que se sabe que material biológico junto das nossas pessoas e de um bisturi sairá em farrapos). Passado uma aula ou duas, lá chegámos a alguns ponto de acordo, a saber:

  • Usar diferentes tipos de letra num documento é piroso.
  • Usar o tipo de letra Comic Sans MS é infantil, e portanto piroso.
  • Fazer apresentações à Hi5 no PowerPoint final é extremamente piroso.
  • Abandonar um blog, principalmente um de Área Projecto, é imperdoavelmente piroso (caras culpadas e um sonoro e prolongado "ooops").

… fim do primeiro período:

Estava um belo Domingo quando Deus decidiu intervir e fornecer-nos alguma luz; isto é, a Fnac dispôs à nossa frente um livro sobre neuróbica, de acordo com um plano inteligível (muito). E foi assim que nós abandonámos o gigantesco pântano das neurociências onde andávamos a patinar durante um par de meses e nos decidimos focar na teoria do exercício mental e na crescente indústria relacionada, que era um belo charco da águas paradas no meio do pântano.

 

E assim é. Neste blog escreveremos sobre o conceito de ginástica mental e a propriedade do cérebro em que está fundamentado, a neuroplasticidade. E sobre as coisas relacionadas vagamente com o cérebro a que acharmos piada. Esperem posts com choraminguice sobre o trabalho por fazer, também. 

publicado por Os Neurónios às 21:35
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De MaiaCarvalho a 22 de Janeiro de 2010 às 18:26
Queridas meninas "Os Neurónios" gostei muito de ler a vossa apresentação. Vocês têm a certeza de que têm 17/18 anos? É que mesmo em professores de 30/40 anos não encontro muita gente com um português tão escorreito. Alunas de Ciências? Caramba! Se vocês escrevem assim, as vossas colegas de letras se não escreverem melhor estão chumbadas...
Muitos parabéns. Vou por o vosso blogue nos meus favoritos.
Saudações
De Os Neurónios a 22 de Janeiro de 2010 às 22:12
17 anos que podem ser provados com certidões de nascimento e BIs (e dentes de leite). Agradecemos o elogio e alegra-nos muito que haja gente a gostar do blog desse lado - dá ânimo ao trabalho!

O facto de sermos alunas da área de Ciências está longe de querer dizer que não se insista no nosso português: temos a disciplina até ao 12º ano, exame, e em todos os testes (e exames) às nossas disciplinas específicas entra em conta a correcção da linguagem nas questões de desenvolvimento. Creio não dizer nenhuma mentira ao afirmar que uma boa parte dos alunos desta área, especialmente no 12º ano, escreve bem.

Comentar post

.pesquisar

 

.Feed deste blog

.Sites Úteis

Sharp Brains(inglês)
Lumosity (inglês)
Sporcle (inglês)
Science Daily: Mind&Brain News (inglês)
Dana Foundation (inglês)
Ciência Viva

.Companheiros de Infortúnio

Green Project
SciArt (à espera de inauguração)
A Memória
Entre Hemisférios
FAZciência